Avaliação

Autoavaliação (perspectivas de evolução e tendências)

1) Corpo docente qualificado: o programa apresenta 18 docentes no corpo permanente. Todos (100%) possuem titulação de doutorado, sendo 12 docentes (67%) com livre-docência.

2) Infraestrutura: o programa utiliza a mesma estrutura do Programa de Pós-Graduação em Administração do Departamento de Administração (nota 7 em Administração). Isso permite sinergias entre o MPE-FEA e o PPGA-FEA na área de Administração da USP, por meio do compartilhamento de professores e respectivas pesquisas.

3) Inserção internacional: o programa tem parceiras com diversas instituições internacionais, conforme relatado anteriormente Em 2018, realizou intercâmbio de alunos com a Georgetown University. Também ofereceu atividades com docentes internacionais.

4) Acompanhamento semestral dos discentes com base em requisitos de desempenho contidos no regulamento do Programa. Alinhado a esse fato, têm uma elevada aplicabilidade dos trabalhos produzidos pelos discentes, uma questão fundamental em programas de natureza profissional.

5) Criação do EMPRAD - Encontro dos Mestrados Profissionais em Administração: evento no âmbito do MPE-FEA USP (www.emprad.org.br) com o objetivo de discutir experiências de administração na perspectiva teórico–empírica no contexto dos mestrados profissionais.