Estratégias e Organizações

Esta Linha de Pesquisa tem como objetivo acompanhar, desenvolver e consolidar modelos de estudos de estratégias corporativas, planejamento estratégico e as diferentes dimensões do contexto organizacional que favorecem a sistematização de seu processo de evolução. Esta linha de pesquisa é apoiada pelos seguintes programas e grupos de pesquisas:

PROFUTURO - Programa de Estudos do Futuro: tem como finalidade auxiliar empresas e instituições públicas e privadas a aprimorar os processos de planejamento por meio da realização de estudos, pesquisas e prestação de serviços nas áreas de planejamento estratégico, prospecção e apreciação tecnológica, além da elaboração de modelos. Regularmente são oferecidos à comunidade cursos, treinamentos e seminários com base nos trabalhos acadêmicos desenvolvidos no Profuturo;

GRUPO DE PESQUISA EM PLANEJAMENTO ESTRATÉGICO E EMPREENDEDORISMO: estudam-se tanto o impacto das principais estratégias adotadas nos setores e nos ramos de atividades da economia brasileira quanto a importância do plano estratégico para a tomada de decisão nas áreas da Administração;

GEPEADE - Grupo de Pesquisas em Administração e Empreendedorismo: realiza pesquisas para testar, refomular ou construir teorias de administração a partir do estudo das práticas gerenciais contemporâneas. Com foco no empreendedorismo dirigido para a criação de empresas e o empreendedorismo interno, dá ênfase ao estudo dos modelos de gestão empreendedores;

GRUPO DE ESTUDOS SOBRE GESTÃO DE NEGÓCIOS NOS MERCADOS DE PRODUTOS POPULARES: os produtos populares movimentam o mercado de maneira intensa. Gerir os negócios a eles relacionados envolve, assim, a gestão de um capital imenso, o que exige estratégias e ações pensadas. O grupo procura estudar este mercado, para compreender seu funcionamento e pensar estratégias que proporcionem resultados positivos de gestão;

NÚCLEO DECIDE: Tem como objetivo produzir conteúdo que forneça apoio ao processo decisório, desenvolvimento de conceitos, ferramentas e metodologias, pesquisas empíricas sobre processo decisório nas organizações. envolve conceitos e técnicas que mesclam psicologia cognitiva, poder e política, modelos matemáticos, codificação de preferências e teoria da probabilidade.

SIMULAB: ambiente vivencial para educação gerencial e pesquisa que se apóia em três pilares: simulador organizacional, artefato educacional que descreve uma organização por meio de regras econômicas; jogo de empresas, processo de tomada de decisão em grupo sob incerteza, informação incompleta e assimétrica; pesquisa aplicada, produzida por cada participante ao desempenhar um papel gerencial. Este modelo que integra a graduação e a pós-graduação vem sendo replicado em IESs por meio de oficinas oferecidas para a rede de dirigentes, docentes e pesquisadores interessados. Está em formação uma comunidade científica que estuda e pesquisa novos métodos modernos de aprendizagem nas tradicionais escolas de ensino.

Departamento:

Área de pesquisa: 
Administração