Werner Baer, Grande Amigo do Brasil

No dia 31 de março de 2016 o Brasil perdeu o professor Werner Baer, um grande amigo e estudioso deste país. Sua falta será sentida especialmente na academia e na comunidade de economistas brasileiros, que perderam aquele que, sem dúvida, foi o grande idealizador e apoiador da criação e consolidação dos centros de pós-graduação em economia no Brasil. Além de ter orientado e apoiado, nas últimas seis décadas, a formação de mais doutores em economia do que qualquer outro acadêmico no Brasil ou no exterior, inicialmente na University of Valderbilt e posteriormente na University of Illinois.

Werner Baer ocupava a cátedra Jorge Paulo Lemann na University of Illinois. Seu livro A Economia Brasileira: Desenvolvimento e Crescimento é um dos poucos estudos de peso sobre os mais diversos aspectos do desenvolvimento econômico do Brasil, do período colonial até os dias de hoje.

O professor visitou pela primeira vez o Brasil em 1962, como membro do Yale’s Economic Growth Center, e, a partir deste momento, passou a contribuir de forma decisiva para o estabelecimento de uma das maiores redes de pessoas interessadas na economia Brasileira e a sua influência em debates sobre a experiência econômica brasileira tem ido muito além de seus trabalhos.

Trabalhando juntamente com a Ford Foundation e a USAID (U.S. Agency for International Development), colaborou para a criação e consolidação dos principais centros de pós-graduação em economia - USP, UnB, UFMG, UFRS, UFPE, UFCE, UFPA, UFBA - e da Associação Nacional dos Centros de Pós Graduação em Economia – Anpec.

Graduado no Queens College, obteve o título de Mestre e doutor na Harvard University, além de ter sido agraciado com o título de Doctor Honoris Causa pela Universidade Nova de Lisboa, pela Universidade Federal do Ceará e pela Universidade Federal de Pernambuco. Foi Professor na Yale University, na University of Vanderbilt e, desde de 1974, era professor na University of Illinois. Foi também professor visitante na Universidade de São Paulo, na Universidade Católica do Rio de Janeiro e na Fundação Getúlio Vargas do Rio de Janeiro, e outras tantas instituições no Brasil e em outros países.

Dentre as honrarias recebidas, merecem destaque a Medalha do Rio Branco (Ministério das Relações Exteriores), Honra da Inconfidência (Minas Gerais), Medalha Especial de Ouro (Fundação Joaquim Nabuco, Recife), Cruzeiro do Sul (Governo Brasileiro), Medalha de Ouro (Universidade Federal de Pernambuco), Medalha FEAUSP (Universidade e São Paulo).

Tendo como linha de pesquisa o desenvolvimento do Brasil, o Prof. Werner sempre estava atento às questões importantes e desta forma direcionava o seu estudo e pesquisa, tratou de assuntos como substituição de importações, industrialização, inflação, papel do estado na economia, privatizações, globalização, distribuição de renda, desindustrialização, desenvolvimento regional entre outros.

Em especial para a FEAUSP o Prof. Werner Baer teve um papel fundamental para a formação do seu corpo docente e para a consolidação do curso de pós-graduação como um dos principais centros de economia no Brasil e no mundo.

O Werner deixa muitas saudades entre os seus amigos; com certeza para sempre será lembrado pelas suas ações e estará nos nossos corações.

Grande abraço!

Prof. Dr. Joaquim José Martins Guilhoto
Vice-diretor da FEAUSP

Data do Conteúdo: 
sexta-feira, 1 Abril, 2016

Departamento:

Sugira uma notícia