Departamento de Economia oferece prêmios aos alunos de destaque

Confira mais informações sobre os prêmios que o EAE concede durante o ano.

por Rafael Benaque

Reconhecimento. Não tem nada melhor do que ter seu trabalho e esforço valorizado. Por isso, o departamento de economia da FEA criou prêmios para recompensar aqueles alunos que se destacaram no ano. Em diversos prêmios, são lembradas as melhores monografias ou os formandos com melhor média.

Uma destas gratificações é o Prêmio FEA – Hospital Alemão Oswaldo Cruz, criado pelo professor Antonio Carlos Coelho Campino e patrocinado pelo Hospital Alemão Oswaldo Cruz, dado às melhores monografias feitas na área de Economia da Saúde. Os trabalhos passam por uma banca de avaliação e, após minuciosa seleção, são escolhidos os três premiados. O primeiro colocado ganha R$3000,00; o segundo R$2000,00 e o terceiro R$1000,00.

Sistema semelhante é o do Prêmio Banco Fator de melhor monografia. Neste caso, no entanto, são escolhidas cinco monografias sobre qualquer tema para receber a premiação. 

Há ainda o Prêmio Luiz de Freitas Bueno, em homenagem ao professor emérito da FEA, criado pelo professor Adroaldo Moura da Silva. “A escola de economia deve muito ao Bueno. Então nada mais justo que homenagear o Bueno, que acabara de falecer quando eu lembrei do prêmio”, explica. Segundo Adroaldo, um prêmio dado ao melhor formando do ano era uma tradição nas décadas de 60 e 70 e, apesar disso, não era mais dado. Assim, o professor resolveu retomar essa premiação dando R$5000,00 ao graduado com melhor média.

Além de valorizar seus alunos, o departamento também busca estimular o surgimento de novos talentos. Por meio do Prêmio Econoteen de ensaios, a FEA visa atrair adolescentes do último ano do ensino médio para a área de economia. Em sua segunda edição, o concurso trata do tema “A produção do Etanol de Cana causa crise Alimentar?” conta com a participação de alunos de escolas públicas e privadas (no ano de estréia, apenas alunos de escolas do governo puderam participar) e dará R$3500,00 em prêmios: R$2000 para o primeiro, R$1000 para o segundo e R$500 para o terceiro colocado, podendo haver duas menções honrosas. O Prêmio Econoteen em 2008 é patrocinado pela Única (União da Indústria de Cana-de-açúcar).

Apesar do dinheiro, o mais importante é a valorização que estes prêmios trazem para os alunos. “Claro que é uma ajuda, mas o peso que isso dá para o currículo do vencedor é muito grande”, afirma Adroaldo.

O chefe do departamento Joaquim José Martins Guilhoto também acredita que o fato de contar com esse reconhecimento é importante para o futuro profissional dos alunos. Essas premiações são um reconhecimento de excelência – já que se pode dizer que este é um curso de excelência no Brasil – e destacam o aluno perante os outros”.
 

Data do Conteúdo: 
segunda-feira, 27 Outubro, 2008

Departamento:

Sugira uma notícia